Dicas para o seu e-commerce vender mais

A presença cada vez maior de pessoas na internet e o aumento de vendas no E-commerce fizeram com que muitas empresas criassem lojas virtuais a fim de impulsionar as vendas de seus produtos. Esse tipo de estratégia é sempre válido, mas, como qualquer negócio, também tem seus riscos.

Infelizmente, é comum a reclamação de muitos empreendedores de que a presença na internet não deu certo por conta da loja virtual que não vende. Mas quais são os erros mais comuns e o que fazer para reverter a situação? Este artigo vai ajudar você a identificar esses pontos.

Problemas mais comuns

É importante salientar sempre que cada caso possui suas particularidades, que devem ser identificadas e resolvidas de acordo com a situação. No entanto, a lista abaixo apresenta os problemas mais recorrentes e possíveis soluções.

Visual pouco atraente

O ditado diz que não devemos julgar o livro pela capa, mas isso é uma atitude muito comum do consumidor. Isso porque lojas virtuais com design pouco atraente ou confuso não inspiram credibilidade. É como apresentar seus produtos em uma vitrine bagunçada e suja na loja física. Neste caso, vale a pena investir em um desenvolvedor front-end para melhorar o visual e fazer seu site chamar a atenção com o que vale a pena.

Tempo de carregamento muito alto

Pesquisas indicam que o internauta espera apenas dois segundos para fechar uma página que demora a carregar. Além disso, o tempo de carregamento do site é um dos fatores levados em consideração para o ranqueamento nos resultados de pesquisa do Google.

Infraestrutura de hospedagem inadequada, arquivos e sistemas não otimizados e imagens não compactadas são fatores que afetam seu site. Mas esses problemas também podem ser resolvidos com a contratação de um bom serviço de desenvolvimento front-end, além de hospedar seu site em um servidor mais adequado.

Falta de credibilidade e de segurança

Lojas virtuais precisam deixar claras informações básicas para o consumidor, como nome de registro, endereço físico, números de telefone e outras formas de contato, políticas da empresa, certificações e outros itens que mostrem credibilidade e segurança caso haja dúvidas ou problemas durante ou após a venda.

Se o potencial comprador encontrar qualquer sinal que cause insegurança ou tenha uma experiência pós-venda ruim, ele dificilmente voltará a comprar qualquer coisa em sua loja virtual. Uma das maneiras de evitar isso é contar com uma equipe de atendimento ágil e pronta para solucionar quaisquer problemas.

Além disso, invista em marketing de conteúdo. É uma maneira de conquistar e fidelizar clientes ao mostrar que sua empresa possui amplo e profundo conhecimento sobre os produtos que comercializa, o que gera um alto valor de confiança nessa relação.

Produtos com preço ou frete inadequado

Precificar produtos é um desafio para qualquer empresa, seja ela uma gigante multinacional ou uma pequena loja virtual. Para isso, existem softwares que fazem estimativa de preços de acordo com diversos parâmetros, sempre oferecendo o valor mais adequado para você e seu cliente.

Em relação ao frete, o desejo de todo comprador é não precisar pagar pelo envio de seu produto, mas sabemos que nem sempre isso é viável. Para isso, você pode optar por negociar com empresas de logística a fim de obter valores mais rentáveis ou oferecer um programa de fidelidade aos clientes que os premia com envios sem taxa.

Baixo número de visitantes

Por que as pessoas não entram no seu site? É bem provável que ele não esteja bem ranqueado nos resultados de pesquisa do Google. Para isso, é essencial que sua loja crie maneiras de melhorar esse posicionamento, como o marketing de conteúdo. Alinhar sua página a um blog com informações sobre seus produtos, por exemplo, pode garantir mais procuras e, consequentemente, mais acessos.